sexta-feira, 25 de novembro de 2022

CONHEÇA DIGITAL LAVENDER, A APOSTA DA WGSN PARA 2023

 


Um lilás vibrante, diferente dos outros lilases que vemos por aí, foi eleito pela WGSN como a cor de 2023. A escolha está totalmente interligada com os novos desejos do consumidor pós-pandêmico: ele quer se proteger, fortalecer a sua saúde mental e experimentar rituais revigorantes.
 
A digital lavender bate em duas teclas muito importantes, o escapismo e o bem-estar. Ao passo que o mundo procura se ajustar após um longo período de restrições e incertezas, os consumidores enfrentarão novos desafios e se sentirão mais atraídos por tudo aquilo que ofereça uma fuga e os deixem mais esperançosos, otimistas, estáveis e equilibrados. 
 
É importante enfatizar que, embora essa cor seja uma previsão para o próximo ano, ela deixava indícios da sua ascensão entre os visionários do mundo da moda. O lavanda já passeava pelo street style internacional muito antes do anúncio oficial da WGSN e foi remodelado para se encaixar no cotidiano de um grupo bem mais amplo de consumidores.

PH: Pinterest

Luciana Mamede, CEO da SER Digital, também apostou num look lavanda para uma das ações de marketing digital da Casa de Minas, que aconteceu no início da semana. A produção monocromática foi uma escolha certeira para um jantar intimista no Cozinha Sebastião, em Santo Antônio do Leite.

PH: Talita Soares | Luciana Mamede veste look Fass Brand e bolsa Papagalla.

Nas passarelas, essa tonalidade pura e mais vibrante de lilás começa a se espalhar. Nensi Dojaka, Christian Wijnants e Gucci apostaram em uma variação mais intensa do Digital Lavender. Enquanto isso, Cecilie Bahnsen, Molly Goddard e Brandom Maxwell trabalharam com uma versão mais leitosa e suave desta cor. 

PH: Vogue USA

Outro ponto importante é o aspecto gênero-inclusivo do Digital Lavender. Essa cor não ficará restrita ao universo feminino, o que foi confirmado pelas coleções menswear SS23 apresentadas por marcas como Louis Vuitton, Hermés, Solid Homme, Wooyoungmi, Walter Van Beirendonck e Dior.

PH: Vogue USA

Por suas propriedades calmantes e aspecto sinestésico, essa cor torna-se uma alternativa perfeita para itens de autocuidado, decoração e produtos em geral de bem-estar. Sendo assim, também veremos essa tonalidade de lilás aplicada em artigos para casa e outros itens voltados para a qualidade de vida.
 
 
Report feito, é hora de avaliar a aplicação da Digital Lavender que mais fará sentido para você.


quinta-feira, 3 de novembro de 2022

DENIMVERSO: TENDÊNCIAS DE JEANS PARA A PRÓXIMA ESTAÇÃO

 


Poucos itens conseguem o tão sonhado título de democráticos, e um deles é o jeans. Acredito que nem em seus melhores sonhos, Jacob Davis e Levi Straus (os responsáveis pelo jeans five-pockets que conhecemos hoje) imaginariam que uma peça tão rústica – feita inicialmente para mineiros de carvão – continuaria relevante econômica e historicamente quase 150 anos após sua patenteação.
 
Já nas primeiras semanas de moda desse ano era possível notar uma certa mobilidade do denim que se consolidou na última temporada de desfiles que apresentaram as tendências para as próximas estações. O jeans de 2023 tomará conta de todas as peças do nosso armário, é o denimverso. Ele aparecerá muito mais trabalhado, ousado, incorporado à modelagens mais complexas e combinado com outros tecidos.
 
Quer conhecer o jeans de 2023? Então segue o fio que o time da SER Digital preparou para você:
 
 
 
JEANS MAD MAX
 
Essa pegada pós-apocalíptica apareceu principalmente nas lavagens com aspecto surrado e nas modelagens que incorporavam retalhos de todas as formas.

PH: DIESEL, NATASHA ZINKO E TAAK, RESPECTIVAMENTE.



Y2K VIBES
 
A febre anos 2000 ainda não passou. Peças utilitárias como as calças cargo e de cintura baixa, um clássico da estética Y2K, apareceram aos montes. Para completar, vale um destaque para os looks que serviam jeans da cabeça aos pés (na maior vibe Britney Spears e Justin Timberlake no American Music Awards de 2001).
 
PH: GESTUZ, GIVENCHY E DIESEL, RESPECTIVAMENTE.


 
DESIGN OUSADO
 
Mangas estruturadas, spikes, desfiados, modelagens e recortes ousados levaram o clássico denim para um lado mais artístico e dramático.

BLUMARINE, DIESEL E ALEXANDER MCQUEEN, RESPECTIVAMENTE.



CASADINHO (TWO-TONE DENIM)
 
Peças elaboradas com duas tonalidades de jeans ficarão mais populares. Agora você não precisa escolher entre o jeans claro e o escuro, dá para usar os dois ao mesmo tempo.
 
PH: NENSI DOJAKA, ETSY E REJINA PYO, RESPECTIVAMENTE.



ESTAMPADO
 
É isso, jeans estampado. As referências já dizem por si só o quanto essa proposta é legal. Enjoy it!
 
PH: MIU MIU, MOLLY GODDARD E BALENCIAGA, RESPECTIVAMENTE.



MIX DE TECIDOS
 
Blumarine e Diesel exploraram os contrastes de caimento e textura. Jeans com tecidos mais fluidos e delicados, como organza (Diesel) e chiffon de seda (Blumarine), foram mesclados com o jeans em peças cheias de complexidade.
 
PH: BLUMARINE, MODA OPERANDI E DIESEL, RESPECTIVAMENTE.

 

O denimverso é para valer mesmo. Escolha sua tendência favorita e descubra formas mais originais de usar um jeans para elevar suas produções.
 

terça-feira, 25 de outubro de 2022

TIGHT UP: BEM-VINDA À ERA DOS CORSETS

 


No meio de tantas tendências que desembocam no mundo fashion após mais uma temporada de semanas de moda, uma em especial chamou atenção do time SER Digital: os corsets. Na contramão da estética comfy e minimalista dos anos 90, também em alta, esse item que coloca a cintura em foco foi uma das grandes apostas da vez.
 
Da ousada até a mais clássica das casas apresentaram corsets de forma fresh e repaginada em suas coleções. Além do savoir-faire que as grandes marcas deixam transparecer quando apostam num item do tipo, vale observar como cada uma delas incorpora o seu DNA na peça. Um trabalho maravilhoso de abstração e criatividade.


O time SER Digital compilou num só lugar as principais aparições do corset. No entanto, vale lembrar que essas marcas são apenas da semana de moda Parisiense, viu? Esse item também marcou presença em NY, Londres e Milão (é corset que não acaba mais, rs).


Schiaparelli, Zimmermann e Balmain foram umas das que conservaram o design típico e a modelagem impecável dos corsets sufocantes e cheios de barbatana que tradicionalmente conhecemos. Enquanto isso, Yohji Yamamoto, Loewe e Botter apresentaram o item desconstruído, com um design 2.0 que nos obriga a analisar cuidadosamente a peça em busca de resquícios do corset clássico.
 
Além das passarelas, essa peça também fez bonito no street style. E muito!
 
Fashionistas de todo o mundo colocaram seus corsets para jogo num verdadeiro mar de truques de styling. A peça apareceu em abundância como sobreposição, muitas vezes contrastando com peças mais volumosas, como camisas de mangas bufantes e calças clochard. 

O negócio é apostar no contraste do justo com o amplo.

ph: pinterest

Ou em quaisquer outras composições que explorem formas originais de usar o corset.

ph: pinterest

 Ou no corset sozinho mesmo, como a estrela do look. Por que não?

ph: Elsa Hosk, Hailey Bieber e Bella Hadid.



Só não vale deixar de usar. Tem inspiração para tudo quanto é gosto e estilo. Escolha a sua, bote a imaginação para jogo e desfrute dessa nova era.


sexta-feira, 30 de setembro de 2022

Petit Comité da SER Digital está à postos para Le Grand Retour da Semana de Moda Parisiense

O grande retorno é real, e o nosso petit comité é testemunha disso.

Após dois longos anos acontecendo de forma híbrida, a semana de prêt-à-porter parisiense retorna em grande estilo com apresentações presenciais de 105 marcas. Nessa nova edição, que começou na última segunda (26/9) e vai até a próxima terça (4/10), 64 desfiles e 41 presentations mostrarão as tendências que entrarão em vigor nas estações Primavera e Verão do próximo ano.
 
Semana de Moda Parisiense sempre fez parte do cronograma anual da Plataforma SER Digital Influencers.


A volta dos desfiles físicos chega com grandes notícias: marcas como Victoria Beckham (Londres), A.W.A.K.E. Mode (Londres) e Zimmermann (Austrália) debutarão nas passarelas da cidade-luz enquanto Nina Ricci se ausenta do calendário.
 
Além das tradicionais casas de moda mainstream, quem segue o perfil da nossa plataforma também conhecerá novos criativos que estão despontando no cenário fashion da capital francesa. Grande parte deles são assessorados pela Totem Fashion Paris e pela Méphistophélès Productions, duas grandes empresas de Relações Públicas parceiras da SER Digital desde 2019.

Arquivo de convites da SER Digital direto de 2018. Parceria da plataforma com Totem Fashion Paris e Méphistophélès Productions caminha para o seu 4º aniversário. Ph: acervo pessoal.
 
ENNK, Nehera, Renaud Peregrino, Tiffany Brown e Smereka são alguns nomes que já estão no cronograma do #TeamSerDigital e receberão cobertura detalhada do nosso comitê. Outras atividades como tour por maisons de luxo da Avenue Montaigne e ida à exposição ‘La Mode, La Mode, La Mode’ também entrarão em nosso roteiro.
 
Para quem deseja ter um panorama geral da Semana de Moda de Paris, aqui vão algumas dicas. Primeiro, você pode acompanhar o cronograma de marcas através do site oficial da PFW, esse aqui.
 
Segundo, vale jogar as hashtags #PFW #ParisFashionWeek no Instagram para receber um turbilhão de conteúdo imagético (tanto dos desfiles, quanto do street style) registrado em tempo real.
 
Ah, os desfiles também serão transmitidos paralelamente pela plataforma oficial da Paris Fashion Week, caso você queria conferir em primeira-mão.
 
Por fim, você poderá assistir uma cobertura mais detalhada da semana de moda mais visada do planeta através dos olhares de @deboracnogueira @babithome @lulu_mamede e @jubraandao.
 
 
 
Agora é só acompanhar!
Equipe SER Digital

terça-feira, 27 de setembro de 2022

DESFILE ICÔNICO DA DIESEL ROUBA OS HOLOFOTES NA MILÃO FASHION WEEK

Um espetáculo de escala ambiciosa foi exibido pela Diesel no último dia 21. Na contramão dos desfiles exclusivíssimos, a marca apresentou sua coleção de Primavera/Verão 2023 para uma plateia de 5 mil espectadores. Grande parte da multidão, formada por estudantes de moda e pelo público-geral, abocanhou a oportunidade com unhas e dentes e esgotou os ingressos em menos de 90 minutos após o lançamento.

Os 73 looks impactantes e provocativos mesclavam diversos materiais e foram apresentados em quatro grandes atos. O primeiro deles foi dedicado totalmente ao denim, que é o tecido-assinatura da Diesel. Jeans desbotados e lavados apareceram de cima a baixo (da blusa aos calçados) de forma despretensiosa e rebelde.

A mistura ousada de denim com organza, cinturas baixíssimas e os casacos extravagantes foram os destaques do primeiro ato | ph: Filippo Fior

O segundo ato foi dos utilitários. Jaquetas estonadas e calças de paraquedas foram reunidos num visual pós-apocalíptico, meio cru e, de acordo com o próprio Glenn Martens (diretor criativo da Diesel), “quase selvagem”. É uma pegada bem coerente com o DNA subversivo da marca.

Visual pós-apocalíptico marcou o segundo ato do desfile | ph: Filippo Fior

Vale também apontar outro destaque: aqui o contraste do pesado com o fluido foi explorado com vigor. Peças de jeans e couro foram mescladas com recortes de seda, e o resultado não poderia ter ficado mais rico e caótico.

Farrapos esvoaçantes, cores vivas e uma vibe popstar invadem o terceiro ato | ph: Filippo Fior

Na sequência, o segmento final arremata o desfile com uma família de peças mais artesanal, ousada, felpuda e rica em texturas. O destaque fica para o casaco vermelho e branco produzido com etiquetas Diesel emplumadas, desfiadas, recicladas e reunidas de forma extravagante.

Muitas texturas e peças artesanais arrematam o desfile da Diesel | ph: Filippo Fior

Além da nova coleção, as quase 5 mil pessoas também puderam testemunhar outro grande feito: a diesel é a mais nova integrante do Guinness World Book. A obra central utilizada no cenário, uma escultura de corpos entrelaçados e com forte caráter sexual, quebrou o recorde como a maior estátua inflável de gás hélio do mundo (com seus 37 metros de altura e 49 metros de largura).
 
A depender da Diesel, uma corrente mais democrática e subversiva está prestes a reescrever as regras das grandes casas de moda de luxo.



Equipe SER Digital

quinta-feira, 25 de agosto de 2022

‘PRINTEMPS’ DE BARBARA BELA COLORE A CASACOR MINAS

Flores de seda, de plumas, de rendas, cortadas a laser ou bordadas à mão coloriram o Palácio das Mangabeiras em uma tarde especial. Os detalhes primorosos fazem parte da Printemps, coleção de Primavera/Verão da Barbara Bela apresentada na CasaCor Minas, no último dia 11. 

A marca nos levou para uma viagem através dos mais clássicos símbolos da estação. As flores de florista feitas à mão adornaram peças com modelagem mais ampla feitas em seda (muita seda), tafetá e renda. Não é atoa que a equipe de criação da Bárbara Bela apontou que essa é a coleção mais luxuosa do ano.
 
Outros elementos-tendência também apareceram por lá: costas desnudas, alças de tiras cruzadas, decote halter, mangas bufantes, franzidos e assimetrias garantiram o frescor da Printemps. A paleta de cores foi dominada por tonalidades leitosas de verde, azul, amarelo, rosa e, em contraste, pelo vibrante l’orange – o tom de laranja eleito pela Bárbara Bela como a cor ícone da marca (e presente em várias peças). Sempre elegante, o clássico preto também ganhou destaque.
 
Para completar o combo, a make suave e os cabelos esvoaçantes foram as apostas de Léo Café e Indya Make para a beleza da Printemps.


Juliana Brandão, Bruna Guimarães e nossa CEO Luciana Mamede vestidas e coloridas por Bárbara Bela. PH: Luciana Chein.

 
Rafela Nejm, Luciana Mamede e Bruna Guimarães. PH: Luciana Chein.

 
Em resumo, as peças eram puro primor e atestavam o savoir-faire da marca. Essa foi a experiência delicada e memorável da SER Digital no desfile da Bárbara Bela na CasaCor Minas.  
 
 
Ficha técnica:
 
DESFILE
Styling – Zeca Perdigão
Beleza – Leo Café e Indya Make
PH Desfile – Álvaro Fráguas
PH Camarim e Joias – Gabi Bueno
PH Redes Sociais – Luciana Chein
Vídeos – LIKEBH/Henrique Guimarães e José Neto
Joias – PARPAR
Sapatos – Marrie Josefine
Cobertura Digital – Marcel Vallias e Larissa Taveira
Agência – Mondodesign/ Margareth Marinho
 
BARBARA BELA
Direção Criativa – Georgiana Mascarenhas
Diretora – Stefania Mascarenhas
PR – Rosa Mascarenhas
Estilo – Vania Nielsen
Marketing – Larissa Taveira

segunda-feira, 1 de agosto de 2022

IWC SCHAFFHAUSEN APRESENTA GISELE BÜNDCHEN COMO SUA NOVA CONSELHEIRA E A NOVA PULSEIRA MIRATEX™

Lançado na última terça (26/07) o quarto relatório da IWC Schaffhausen anuncia uma grande novidade: a uber model e ambientalista Gisele Bünchen será a nova Conselheira de Projetos Ambientais e Comunitários da relojoaria suíça de luxo. O documento também apontou as duas áreas que mais precisam de esforços,  ideias inovadoras e iniciativas de projetos: Biodiversidade e Comunidades.

Franziska Gsell, Diretora de Marketing e Presidente do Comitê de Sustentabilidade da IWC Schaffhausen afirma que Gisele compartilha com o propósito da empresa de impactar mudanças reais no meio-ambiente e na sociedade. Gsell também enfatiza que o alcance global da modelo ajudará a levar as estratégias da IWC para comunidades de todo o mundo.


MIRATEX: CONHEÇA AS PULSEIRAS INOVADORAS, SUSTENTÁVEIS E CIRCULARES DA IWC

Outra novidade compartilhada pela empresa foi a chegada da MiraTex, as inovadoras pulseiras feitas inteiramente de plantas e minerais e totalmente livres de petroquímicos e plásticos. Por trás do nome diferente, há uma combinação curiosa: MiraTex é a junção das palavras Miracle e Textile. Em bom português, significa "Tecido Milagroso".

Esses acessórios são confeccionados a partir das folhas de MIRUM, a matéria-prima final que é produzida com borracha natural com certificação FSC, preenchida com pó de cortiça e tonalizada com corantes minerais. Além disso, vale ressaltar que o MIRUM não precisa de curtimento e tem uma pegada de carbono extremamente baixa. A fabricação desse material também não requer água adicional, ou seja, nenhum afluente é gerado no processo. Quando a MiraTex chega ao fim da sua vida útil, a pulseira pode ser devolvida para IWC (e virar um novo MIRUM) ou ser descartada na natureza sem causar nenhuma poluição.

A foto da belezinha você pode conferir logo abaixo nos pulsos da mais nova conselheira da IWC:


Gisele Bünchen usa Pilot Chrono com Pulseira MiraTex. PH: Cortesia IWC Schaffhausen.




Duas ótimas novidades, não?

_________

Equipe SER Digital Influencers

segunda-feira, 18 de julho de 2022

PARIS HAUTE COUTURE FASHION WEEK F/W22 PARTE 2

  


Mangas que se assemelham a leques abertos, corpetes de vidro, vestido de rosas, parcerias incríveis e muita cor. A segunda parte do nosso compilado resgata outros destaques que fizeram os olhos de muito apaixonado por moda brilharem na última semana de alta costura.
 
Vem conferir e tentar descobrir com a gente onde termina a roupa e começa a arte... e vice-versa.
 
 


JUANA MARTÍN

 
Em sua estreia no calendário oficial da Semana de Alta Costura, Juana Martín apresentou ‘Andaluzia’, coleção inspirada em sua terra natal e no estilo flamenco. As peças possuíam um toque artesanal bem evidente nos bordados e modelagens bem dramáticas – característica que, inclusive, foi potencializada pela cartela composta (apenas) por duas cores cheias de contraste entre si: o preto e o branco.
 
#DestaquedaSER: vai para o vestido capa repleto de flores que parecem brotar dele e para o vestido preto cujas mangas evocam a imagem de dois leques abertos.

Juana Martín Couture F/W22 | ph: Totem Fashion Paris 
 


FENDI

 
Peças minimalistas e elegantes, que fazem brilhar os olhos de qualquer apaixonado(a) por modelagem, foram apresentadas pela Fendi na última semana. Uma coleção simples e executada com primor nos mais exclusivos e caríssimos materiais, do jeito que Karl Lagerfeld gostava.
 
#DestaquedaSER: vai para o vestido rosa com lantejoulas prateadas que foi elaborado com amostras de tecido chiffon eau-de-nil que Lagerfeld encomendou, mas nunca usou em uma coleção. 

Fendi Couture F/W22 | ph: Filippo Fior / gorunaway.com 
 


VALENTINO

 
“Eu precisava entender o quanto de mim existe no Valentino de hoje, e o quanto da Valentino existe na minha identidade”. Esse foi o fio condutor da ‘The Beginning’, uma coleção profundamente pessoal que buscava contar a história da Valentino.
 
Seria fácil se desfocar, tendo em vista a magnitude do cenário, mas as criações extremamente coloridas e impactantes prendem a atenção de qualquer um. Foi um show de cor e de savoir-faire.
 
#DestaquedaSER: vai para o vestido de rosas colorido pelo clássico vermelho Valentino.

Valentino Couture F/W22 | ph: Salvatore Dragone / gorunaway.com
 
 


JEAN PAUL GAULTIER

 
Oliver Rousteing foi o escolhido da vez para pegar as rédeas da Jean Paul Gaultier e elaborar uma coleção onde o seu olhar atravessa o DNA da marca. Rousteing apresentou peças extravagantes, adaptou técnicas de Gaultier e revisitou criações icônicas. Cada capítulo da história de Jean Paul que merecia um destaque ganhou um look à altura.
 
#DestaquedaSER: vai para o look com corpete de vidro moldado pelo especialista responsável pelos vitrais da Notre Dame, nada menos que isso.

Jean Paul Gaultier Couture F/W22 | ph: Isidore Montag / gorunaway.com
 
 


SCHIAPARELLI

 
Silhuetas dramáticas, tons sóbrios e uma homenagem sutil ao surrealismo de Elsa Schiaparelli. Esses três elementos misturados deram origem à uma coleção impecável, com claras inspirações nos anos 80, mas nada que cheirasse a naftalina. Foi um mashup muito bem executado entre o moderno e o romântico, e lindo de se ver.
 
#DestaquedaSER: vai para o all black com jaqueta preta de veludo cujo decote é formado por dois rostos de perfil (à la Jean Cocteau).

Elsa Schiaparelli Couture F/W22 | ph: Filippo Fior / gorunaway.com
 
 
 


Arte vestível que fala, né?

__________________
 
Equipe SER Digital Influencers
 
 

sexta-feira, 8 de julho de 2022

PARIS HAUTE COUTURE FASHION WEEK F/W22 PARTE 1

 

 
 
Foi dada a largada da semana de Alta Costura Parisiense e a SER Digital não poderia te deixar de fora dessa. Com a colaboração da Totem Fashion Paris e da Méphistophélès Productions, o #TeamSERDigital compilou alguns destaques para você de Maisons cheias de originalidade que estão fora do mainstream. Confira só:
 


STEFAN DJOKOVICH

Coleção Trianon
 
Inspirado pelos Jardins de Versailles, Stefan Djokovich apresentou na última segunda a coleção intitulada Trianon. Os looks trabalhados com muita seda, organza, bordados em tule e formas orgânicas convidavam os presentes a descobrir o mundo cheio de facetas dos jardins reais.
 
#DestaquedaSER: vai para o vestido rosa confeccionado com 3000 penas feitas e costuradas à mão, uma a uma, para criar um movimento fluido e delicado.

Stefan Djokovich Haute Couture F/W22 | ph: Cortesia de Stefan Djokovich



VAISHALI

Coleção The Four Seasons
 
A designer Indiana apresentou uma coleção colorida e cheia de nuances inspirada nas quatro estações do ano. Os vestidos parecem acompanhar perfeitamente a dinâmica das estações: uns não possuem nada além de linhas, alguns possuem pequenos brotos e outros já estão completamente floridos.
 
#DestaquedaSER: vai para o trabalho impecável das linhas dentro da modelagem das peças. Os vestidos parecem que foram cultivados e brotados da terra. Impossível escolher um look só para ser o nosso destaque da vez.

Vaishali Haute Couture F/W22 | ph: Totem Fashion Paris



LA MÉTAMORPHOSE

Coleção Le Secret d’Empédocle
 
Baseado na teoria dos quatro elementos (água, fogo, terra e éter) proposta pelo filósofo grego Empédocles, La Métamorphose exibiu uma coleção repleta de fluidez e de um trabalho impecável de moulade e draping.
 
#DestaquedaSER: para o look vermelho abaixo que representa, de forma suntuosa, a evolução da chama de fogo.

La Métamorphose Haute Couture F/W22 | ph: Cortesia da La Métamorphose



FOVARI

Coleção Le Parfum des Nuages
 
Muitos volumes e drapeados marcaram as criações da Fovari. Todas elas foram inspiradas nas formas das nuvens e exalam movimento, suavidade e uma beleza quase etérea.
 
#DestaquedaSER: vai para o look que é todo preto, mas que mesmo assim consegue trabalhar um contraste incrível entre o caimento dos tecidos da parte de cima e da parte de baixo.
 
Fovari Haute Couture F/W22 | ph: Cortesia da Fovari



LEANDRO CANO

Coleção The Dance of the Excluded
 
Em seu Baile dos Excluídos, Leandro Cano apresentou uma releitura das peças mais icônicas de seus 10 anos de carreira. Sua coleção mergulha de forma introspectiva em uma sociedade medieval onde aqueles que não se encaixam nos padrões da normalidade são colocados à margem.
 
Materiais encorpados e muitos volumes deram um tom provocativo juntamente com as cores vermelho, azul e dourado. As peças, extravagantes e artísticas, também contaram com detalhes trabalhados artesanalmente, como os bordados de ouro e o acessório de cabeça em crochê.
 
#DestaquedaSER: vai para o look intitulado ‘Tiempo’ (look rosa e vermelho abaixo), uma releitura do Mythical Dress usado por Lady Gaga em 2013, que levou mais 200 horas para ser executado.
 
Leandro Cano Haute Couture F/W22 | ph: Totem Fashion Paris


  
Difícil descobrir onde termina a roupa e começa a arte, né?
 
 
Agradecimentos especiais:
 
Romain Hulin-Boulais, da agência Méphistophélès Productions.
Sebastien de Brito e Lola Cisowski da Totem Fashion.

______

Equipe SER Digital
 

quinta-feira, 23 de junho de 2022

WGSN DIVULGA PREVISÕES DE CORES SS'23 PARA O VESTUÁRIO FEMININO

As paletas dessa temporada surgem como resposta à necessidade de otimismo e estabilidade sentida pelas pessoas após um período turbulento de incertezas. Segundo a WGSN, os tons naturais, opacos, quentes e mais calmos ressoarão bem entre aqueles que procuram o equilíbrio e a reconexão com a natureza. Já os tons mais brilhantes, que também ganharam espaço nessa previsão, poderão ser adotados para estimular quem tem passado muito tempo entre o mundo físico e o metaverso virtual.

 
Três paletas principais nortearão as escolhas de marcas e criadores de roupas femininas, confira agora quais são elas:
 
 
NEUTROS DA TEMPORADA
 
Essa paleta composta por tons neutros e de baixa luminosidade fornece uma base de cores atemporais que poderão ser usadas durante todo ano, independente da estação e das tendências vigentes. Embora tenhamos uma gama variada de neutros, vale dar destaque para os cinzas e brancos, pois eles serão as estrelas da vez.


neutros da temporada ph: WGSN



NATURAIS NÃO-NATURAIS
 
Com brilhos reduzidos, mas nem tanto, a paleta dos naturais não-naturais busca explorar a sensação de bem-estar de dois públicos distintos: os que desejam ter mais contato com o natural (e buscam por tons familiares e calmantes) e aqueles que vivem conectados às telas (e desejam ter uma experiência multissensorial com as cores).

naturais não-naturais ph: WGSN


Como usar essa paleta? Faça combinações de brilhos hiper-realistas para o consumidor que está por trás das telas e explore composições entre esses tons e os neutros da temporada para os consumidores que buscam por equilíbrio e tranquilidade.



MIDCENTURY CALOROSO
 
Cores quentes e aconchegantes prolongarão a sensação de conforto e terão grande apelo entre aqueles que procuram por algo prático e atemporal.

Midcentury Caloroso ph: WGSN

Como usá-la? Explore combinações entre as cores dessa paleta para dar aos designs da sua marca um aspecto tranquilizador e refinado. Aposte em composições nostálgicas e use o Roiboos e Tranquil Blue como pontos de cores. Considere tons como o Peach Sand e o Green Fig (sólidos ou mesclados em estampas) caso queira trabalhar em algum design sem gênero exclusivo.



Para mais detalhes, vale ficar de olho no blog da WGSN. Semanalmente vários resumos de conteúdos são disponibilizados por lá de forma gratuita para os interessados em explorar um bureau de tendências.
 
Um abraço e até breve!

______
 

Equipe SER Digital Influencers

segunda-feira, 13 de junho de 2022

MÉTIERS D’ART - COLEÇÃO CHANEL RESORT 2023

Madame Chanel certamente gostaria de ver na passarela do seu “RESORT 2023” as modeletes mais hypes do globo usando suas criações-base de  formas inusitadas e surpreendentes (leitura de momentos esportivos), em seu último show realizado em Florença.

Icônicos tweeds e twins, usados simultaneamente,  passeiam entre o clássico (e enfadonho). Calça e casaqueto até o limiar de uma hot pant, belíssimamente acompanhada por um maxi-cardigã, dentre outros shapes refrescados por um STYLE assertivo e cool.

Chanel Resort 2023 Collection | ph: cortesia da Chanel

Madame iria amar também esses vestidos-camisola do século retrasado, interpretados como se fossem robes de passear não-sei-aonde, porém com uma pegada tão estranha que desperta aquele desejo irreverente de sair com um deles por aí somente para ver no que é que dá.

E mais ... +++++

As cores açucaradas dessa passarela são tão lindas, que qualquer uma de nós compraríamos uma peça apenas para atualizar a cartela do armário sem pensar duas vezes. Eu quase mordi a tela quando vi esse rosa docinho com cara de bolo de festa infantil.

Chanel Resort 2023 Collection | ph: cortesia da Chanel

O vermelho-chanel sempre é o mais bonito: será porquê ?

Chanel 2023 Collection | ph: cortesia da Chanel

As combinações da família dos brancos (puro puro puro) em seu mais puro exemplo de: “vamos nos vestir de jogadoras de tênis apenas porque eu acho bonito"; são de capotar. Tenho certeza que madame Chanel também iria amar todos os acessórios statement, cintos e bolsas dessa passarela; pois algo me diz que serão o MUST HAVE dessa temporada.

Chanel Resort Collection | ph: cortesia da Chanel

Sobre as flores delicadas e descoladas que aparecem aqui e ali na passarela não me atrevo nem a descrevê-las pois preciso pegá-las para ser fiel a tanta beleza. Por mim, lhes digo: Atenção fashionistas! Vamos nos refrescar na fonte infinita de inspirações dessa marca que nunca parou para ver e acontecer!

#chanel #sportmotivation #resort2023 #styleblogger